Sindicato Nacional dos Trabalhadores
em Atividades Subaquáticas e Afins
Na designação da nossa missão, só temos como opção a vitória!

Rio de Janeiro, 2 de dezembro de 2015.

Companheiros do SINTASA;

             No exato momento em que estamos repassando a todos os companheiros subaquáticos e afins a nossa gloriosa história, ainda tem um tal de Maurício Peçonha, (aquele que tanta dividir a categoria tentando construir o sindicato paralelo – SINDSUB), atacando a idoneidade do nosso presidente, o chamando de criminoso via facebook. Ora, criminoso é quem comete crime, é julgado e condenado. E isso nunca aconteceu com o Sr. Edney Santos. E lembramos que usar denuncia já encerrada na justiça para continuar no mesmo tipo de ataque é crime e será tratado como tal, juridicamente. Aguardem, pois quem fala o que quer ouve o que não quer e ainda responde por isso!  

             Apresentamos uma denúncia aqui que demonstra de onde Peçonha retirou toda a ideia para um ataque totalmente insano.  

              Outra manobra fraquinha do pelego do SINDSUB, esse tal de Peçonha no facebook, é tentar aliar a crise que se passa com o PT e a Cut, com o SINTASA. Para qualquer desavisado saber, o sindicato não tem partido, é da categoria. Diretores podem ser de qualquer partido à nível pessoal, como qualquer cidadão, mas ligar suas preferências de partido ao sindicato não tem como. Ou seja, outra mentira! E não somos atrelados a nenhuma Central Sindical, porque trabalhamos com propostas e não com bandeiras.   

              Usar o mundo da Internet de tal ou qual forma demonstra bem o caráter de quem a usa. Tem gente que vai ser solidária com quem sofre, seja no mar de lama de Mariana MG, seja num caso individual de doença que mereça nossa atenção e o nosso coração, seja na luta política da dura vida de toda uma categoria, como a nossa do SINTASA, por exemplo. Agora, tem outro tipo de gente, que vai na Internet atrás de como prejudicar o outro, seja de que forma for, através de atos, palavras e ou difamações. E é esse o time do Peçonha. Ele vai na internet pegar coisa velha, destrutiva, que já passou, que não tem fim legal na atualidade e usa como verdade. Mas o objetivo do Peçonha é claro, denegrir o Sr. Edney Santos, para um dia ter a coragem de botar a cara numa disputa pela presidência do SINTASA. Mas o sr. Peçonha também é um desavisado, em todos os anos eleitorais o Sr. Edney Santos ofereceu o cargo da presidência para outros companheiros, que sempre negaram por achar mais adequado ficar com ele mesmo o cargo. Peçonha, se participasse da vida do SINTASA, estaria aqui jogando junto e pegando a presidência que tanto ambiciona. Mas “Alguém” protegeu nossa categoria dos fanfarrões. E sabem por quê? Porque não somos fanfarrões, somos homens sérios e trabalhadores!   

                Pensem companheiros, porque é preciso denegrir alguém para tomar seu lugar? Será porque essa pessoa é respeitada e totalmente idônea?

                 O outro campo de disputa seria o campo das ideias, mas Peçonha não tem ideias. E pior, o Sr. Edney Santos e a diretoria do SINTASA são competentes ao realiza-las. Então, para quebrar essa imagem construída por ele, parte para falar mal até que alguém acredite. 

            Lembro a vocês que o departamento de  comunicação de Adolf Hitler, pregava: “uma mentira repetida muitas e muitas vezes pode tornar-se uma verdade.”

            Agora pasmem porque o ataque do Peçonha não vem de nenhuma inteligência investigativa, vem inspirada em suas próprias tentativas de fraude tentando passar um mal congênito seu, como acidente de trabalho. Destacamos aqui o trecho inicial do pedido sem-vergonha com que ele começa a petição na Segunda Vara do Trabalho, em Macaé...

 

                   “... formulou dentre esses e outros fatos que expos a emissão de CAT para retificação do benefício para código B91; recolhimento de FGTS do período de afastamento; danos morais, estéticos e materiais em decorrência de tratamento médico realizado; pensão vitalícia e honorários advocatícios.“ 

           

                   Lembramos à categoria que tanto o Sr. Edney Santos, assim como o vice-presidente na época, Sr. Mário Botto, deram todo suporte possível ao peçonhento, mas jamais em tempo algum emitiriam uma CAT falsa para beneficiar quem quer que seja. Isso é crime! Daí vem o ressentimento do cascavel. 

            Reparem que logo no início da segunda folha, o pedido das rés é de que se ateste a má fé do autor, deixando claro assim a tentativa de golpe do Peçonha,  em destaque abaixo...

             “.... Em razões finais orais, as partes reportaram-se aos elementos dos autos, sendo que as rés requereram a aplicação de litigância de má fé do autor.” 

             Por fim, na penúltima folha, parágrafo 9 (nove), a síntese de um golpe mal dado. Leiam em destaque...

 

              “...em síntese, a prova técnica deixou claramente demonstrado que o autor é portador de uma patologia de natureza degenerativa e não oriunda do trabalho.”         

 

             Que bom que pessoas assim se afastem mesmo do SINTASA. Esse tipo de comportamento serve somente para desmoralizar as ações verdadeiras nas lutas que a categoria trava. Não estamos e nunca estivemos aqui para enganar ninguém e nem inventar situações para quem quer que seja tirar proveito. Cuidado categoria com esses peçonhentos, nosso sindicato e o nosso país não precisam disso.  

             Agora vejam abaixo, os trechos na íntegra do processo, que atesta quem realmente burla e mente só para se dar bem... mas ainda bem que dessa vez a justiça imperou.

 Clique aqui e veja o processo

 

             O processo inteiro está à disposição na Segunda Vara de Macaé e aqui no SINTASA, para qualquer um ler. Isso não veio de coisa velha da Internet, não!         

 

             E enquanto o Peçonha tentava levar a vida na flauta, o sr. Edney e as diretorias que trabalhavam pelo SINTASA, jogavam duro e conquistavam vitórias importantes para a categoria. E o sr. Peçonha aonde estava nessa hora? Denegrindo alguém, com certeza, porque já provou que é essa a sua natureza... ser destrutivo.

             Gente, pensar não dói! Então, pensemos! E encerremos esse assunto!                 

 

 

                                                 Diretoria do SINTASA

 

Companheiros associados:

 

Já está disponível na sede do SINTASA o brinde de final de ano.

Compareçam na Sede para fazer a retirada.

E vocês que moram fora da Cidade do RJ, atualizem os seus endereços, com o seu nome completo e empresa em que trabalha, para o envio do brinde.

Att,

DIRETORIA/SINTASA